CASAALTA TOWERS inova com projeto residencial no Centro de Bauru

No dia 13 de novembro, a CASAALTA Construções - 7.ª maior empresa do Brasil em volume de obras - lançou o CASAALTA TOWERS, na região central de Bauru. O investimento de R$ 132 milhões resultará em um empreendimento residencial com 3 torres, todos com unidades de dois dormitórios e exclusiva sacada gourmet.Trata-se de um projeto desafiador de uma das maiores empresas do ramo, que atua em 14 Estados brasileiros e no Distrito Federal. “O resgate da área central é uma tendência em cidades de grande porte, pois trata-se de uma região que já conta com toda a estrutura necessária aos usuários, logística e mobilidade privilegiadas”, observa Juarez Wieck, presidente da CASAALTA, cuja matriz está localizada em Curitiba (PR).

Segundo ele, no momento estão sendo concluídos os projetos de fundação da obra, que tem previsão de início em 2015. Em um terreno com mais de 11 mil metros quadrados, haverá mais de 70 mil metros quadrados de área construída, incluindo dois subsolos com estacionamento. Das 3 torres, duas terão 23 pavimentos, e a outra terá 24.

O empreendimento, desenvolvido pela CASAALTA Construções, também resultou na doação à Prefeitura de Bauru de um projeto urbanístico que consiste em um parque linear para a região central. O parque linear idealizado por Avelino Cortellini, do Grupo Marca, foi desenvolvido pelo arquiteto e urbanista Bruno De Franco da CASAALTA Construções. O parque terá 1,3 quilômetro de extensão, começando no viaduto Mauá e seguindo até o viaduto JK, na rua Agenor Meira, às margens do rio Bauru. Com o projeto fornecido pela construtora, caberá à prefeitura viabilizar o parque.


Valorização

O sucesso do CASAALTA TOWERS começa a se concretizar antes mesmo de seu lançamento oficial, pois 60% das unidades da primeira etapa do empreendimento já foram comercializadas. “O que dá vida ao Centro são as pessoas, e esse empreendimento tem exatamente esse papel de reumanização da área central de Bauru. Além de transformar o perfil da região, o retorno para os investidores será extraordinário. Em cerca de três anos, a valorização dos imóveis será enorme”, projeta Juarez Wieck.

O prefeito Rodrigo Agostinho (PMDB) cita que a necessidade de “repovoamento” do Centro de Bauru constava em seu primeiro programa de governo. A cidade nasceu aqui (na região central). “Esse empreendimento será essencial para alterar o cenário de esvaziamento do Centro após o horário comercial.”

0800 052 7900 ATENDIMENTO ONLINE